Gestão de Ativos: Ampliando a eficiência das empresas

[vc_row][vc_column][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]Empresas de todos os ramos se deparam com uma constante pressão para gerenciar seus ativos, com o intuito de reduzir custos, garantir maior eficiência e estar em conformidade com as rigorosas normas e legislações.

Para que ocorra uma gestão eficiente da utilização dos bens, a Gestão de Ativos possui 6 pilares que colaboram e apoiam para o controle do ciclo de vida de cada ativo nas Organizações:

Uma Gestão de Materiais eficiente assegura a disponibilidade do item necessário para que a área de Manutenção execute suas atividades sem problemas e com continuidade. Além disso, um inventário bem administrado reduz custos, evita desperdícios e mantém o estoque de acordo com sua demanda, permitindo que ocorra uma análise futura de tendências baseada em sua necessidade atual.

O pilar de Gestão do Trabalho cobre as relações de mão de obra, custos e perfis envolvidos durante a manutenção dos ativos. Tem como objetivo gerenciar os devidos recursos para que ocorra: aumento da produtividade e eficiência operacional a custos controlados.

Com a utilização da Gestão de Itens e Ativos, é possível obter o retorno sobre o investimento, uma vez que tal gestão maximiza a utilização dos ativos através do seu ciclo de vida, reduzindo custos, assegurando a conformidade com base nas exigências de normas regulatórias e reduzindo riscos de perdas financeiras

A Gestão de Serviços da Manutenção de Ativos trata de todo o planejamento e acompanhamento na execução das ordens de serviço. Estes procedimentos são fundamentais para a efetividade na execução, controle do trabalho realizado e permitindo que gestores acompanhem o andamento de todo o trabalho a ser executado.

Com o pilar de Aquisição e Finanças, é possível planejar o inventário com precisão baseada na demanda de manutenção, fazendo com que itens corretos estejam disponíveis no local e momento certo.

Oferece apoio na consolidação de informações referentes à cotação, ordem de compra, fatura, inconsistências financeiras e conciliação contábil dos ativos. De modo a atender e satisfazer as necessidades específicas de controles internos de cada empresa.

É extremamente importante que toda a empresa utilize a frente de Gestão de Contratos, pois este processo tem relação direta com a saúde financeira da Organização e controle sobre o relacionamento com os fornecedores. Este processo fornece maior controle sobre datas, valores, termos que sejam determinantes para a prestação dos serviços e, por fim, a satisfação do cliente.

 

BENEFÍCIOS DA GESTÃO DE ATIVOS

MAIOR EFICIÊNCIA E CUSTOS OPERACIONAIS REDUZIDOS

Aumento da produtividade da equipe, redução no custo de manutenção, menor custo com estoque e paradas.

 

VISIBILIDADE APRIMORADA DE OPERAÇÕES E DESEMPENHO

Visibilidade aprimorada da Operação, acompanhamento da vida útil dos ativos e integração com demais processos.

 

EFICIÊNCIA NA ENTREGA DE SERVIÇOS AOS USUÁRIOS

Maior controle sobre todos os aspectos da manutenção, antecipando-se a ocorrências de problemas e, consequentemente, aumentando a satisfação dos clientes.

 

Em resumo, a utilização dos conceitos de Gestão de Ativos é essencial para o seu negócio, pois permite a obtenção de melhores resultados: reduzindo custos, ampliando a satisfação dos requisitos de negócio e oferecendo conhecimento para a tomada de decisão estratégica.[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Compartilhe em suas redes: