IBM Cloud: novas possibilidades para os negócios digitais

A adoção de serviços de nuvem pública é uma das mudanças mais importantes na história da computação corporativa, pois permite que as empresas desenvolvam novos modelos de negócios orientados digitalmente.

O mercado global de computação em nuvem pública cresceu muito rapidamente nos últimos anos, e a tendência é que essa expansão continue. O Gartner prevê que as receitas mundiais da nuvem pública excederão US $ 330 bilhões até o final de 2022.

Nesse cenário, ter diversas implantações de nuvem se tornou cada vez mais uma estratégia usada pelas empresas para otimizar o desempenho da sua infraestrutura. Porém, muitas organizações ainda têm dificuldades para aproveitar todos os recursos de seus ambientes de nuvem.

Neste artigo, vamos explicar quais são os diferentes tipos de cloud: pública, privada, híbrida e distribuída.

Mas, afinal, o que é Cloud?

Cloud é o nome dado a uma rede de servidores conectados entre eles para possibilitar a entrega de produtos, serviços e soluções empresariais para diferentes regiões a partir da internet. 

A Cloud Computing (computação em nuvem) é uma das principais escolhas de empresas por oferecer rapidez e flexibilidade ao adquirir recursos, custo-benefício e segurança. Os servidores na nuvem podem ser usados para armazenamento, hosting, processamento, backup, desenvolvimento e mais.

Muitas empresas estão movendo partes de sua infraestrutura de computação para a nuvem pública porque os serviços de nuvem pública são elásticos e prontamente escalonáveis. Por isso, eles são capazes de se ajustar com flexibilidade para atender às demandas de carga de trabalho em constante mudança. Outra vantagem desse modelo é que ele oferece maior eficiência e menos recursos desperdiçados, uma vez que os clientes pagam apenas pelo que usam. Além disso, ele permite reduzir os gastos com hardware e infraestruturas locais. 

Conheça os diferentes tipos de Cloud

As empresas precisam encontrar as nuvens mais adequadas para as suas necessidades. A seguir, apresentamos os diferentes modelos de nuvem disponíveis atualmente, para que você possa escolher o servidor ideal para a sua empresa.

Cloud Pública

Uma nuvem pública é um tipo de computação em nuvem no qual um provedor de serviços terceirizado cria recursos de computação para completar infraestruturas e plataformas de desenvolvimento – disponíveis para usuários na Internet pública. Esses recursos podem ser acessíveis gratuitamente ou pagos de maneira flexível, de acordo com preços baseados em assinatura ou conforme a utilização.

O provedor de nuvem pública possui e administra os data centers onde as cargas de trabalho dos clientes são executadas. Os provedores de serviços assumem a responsabilidade por todo hardware e pela manutenção de infraestrutura e fornecem conectividade de rede de alta largura de banda para garantir acesso rápido a aplicativos e dados. O provedor de nuvem também gerencia o software de virtualização subjacente.

Nas arquiteturas de nuvem pública, os usuários compartilham um pool de recursos virtuais que são provisionados e alocados automaticamente para locatários individuais por meio de uma interface de autoatendimento. Isso significa que várias cargas de trabalho de locatários podem executar instâncias de CPU em um servidor físico compartilhado ao mesmo tempo. Porém, os dados de cada locatário da nuvem são logicamente isolados dos dados de outros locatários.

Cloud Privada

Nuvem privada é uma infraestrutura em nuvem operada exclusivamente para uma empresa. Normalmente, ela é hospedada no local, a partir do próprio firewall da empresa cliente. Mas também pode ser hospedada em um provedor de nuvem dedicado ou infraestrutura de terceiros. Em ambos os casos, a empresa cliente tem acesso exclusivo e isolado à infraestrutura.

A nuvem privada permite que uma empresa aproveite as vantagens da eficiência da nuvem, sem ter que lidar com o impacto na segurança causado pelo compartilhamento de recursos com outro cliente da nuvem. Desse modo, ela também fornece maior controle sobre os recursos, favorecendo assim a segurança de dados e a conformidade regulamentar.

Cloud Híbrida

A n