IBM Public Cloud: Nuvem pública vs. nuvem privada. Qual a melhor opção?

As empresas agora têm diversas opções de escolha para definir qual é o melhor ambiente para abrigar a sua infraestrutura, aplicações e cargas de trabalho. De acordo com o IDC, mais de 90% das grandes empresas agora têm uma solução híbrida de nuvem múltipla em vigor que inclui uma combinação de ambientes de nuvem pública, privada e local. Além disso, 81% das organizações já têm mais de um provedor de nuvem pública, segundo o Gartner.

Tanto a nuvem pública quanto a privada oferecem vantagens distintas, que precisam ser consideradas para que se possa tomar a melhor decisão sobre qual modelo adotar. Neste artigo, vamos mostrar as vantagens e desvantagens das nuvens pública e privada e apontar caminhos para escolher a melhor infraestrutura para a sua empresa.

Nuvem privada garante maior controle sobre segurança

A nuvem privada é uma infraestrutura em nuvem operada exclusivamente para uma empresa. Normalmente, ela é hospedada no local, atrás do próprio firewall da empresa cliente, mas também pode ser hospedada em um provedor de nuvem dedicado ou numa infraestrutura de terceiros. Em ambos os casos, a empresa cliente tem acesso exclusivo e isolado à infraestrutura.

A nuvem privada permite que uma empresa aproveite as vantagens da eficiência da nuvem, ao mesmo tempo que fornece maior controle sobre os recursos de segurança de dados e conformidade regulamentar. Desse modo, ela evita o desempenho potencial e o impacto na segurança do compartilhamento de recursos com outro cliente da nuvem.

Uma possível analogia para explicar como a nuvem privada funciona é compará-la a uma casa de propriedade da família, enquanto a computação em nuvem pública seria como alugar um apartamento ou condomínio em um prédio com várias unidades.

Na nuvem privada, o cliente normalmente é responsável por gerenciar e manter a infraestrutura, o que inclui planejamento de capacidade para garantir que o hardware disponível possa atender às necessidades presentes e futuras, licenciamento e instalação de software e monitoramento e aplicação de políticas de segurança.

A nuvem privada normalmente envolve custos iniciais e contínuos mais altos do que a nuvem pública. Mas as ofertas emergentes de nuvem pública, como nuvens privadas virtuais (VPCs), trazem muitos dos mesmos benefícios da computação em nuvem privada, sem impor o mesmo custo ou encargos de gerenciamento. E novas ofertas de nuvem privada, como serviços de nuvem privada gerenciada – em que um fornecedor terceirizado intervém para implantar, configurar e gerenciar a nuvem privada em nome do cliente – também estão tornando serviços semelhantes à nuvem privada mais fáceis de consumir.

Algumas vantagens possíveis da nuvem privada em comparação com a nuvem pública incluem o seguinte:

* Maior capacidade de personalizar aplicativos e infraestrutura.

* Maior controle e segurança, pois as cargas de trabalho são executadas por trás do firewall do locatário, embora a segurança geral dependa do ambiente do próprio locatário.

* Conformidade simplificada (ou simplificada percebida) com regulamentações do setor ou do governo, como a LGPD.

Portanto, se você tem necessidades de segurança, regulamentares ou de infraestrutura altamente especializadas, uma nuvem privada pode ser uma boa opção. Além disso, a nuvem privada pode ser mais vantajosa para quem deseja o máximo de controle sobre seu ambiente de nuvem e descobre que as suas cargas de trabalho têm padrões de uso previsíveis.

Nuvem pública oferece facilidade de implantação e acesso a recursos

Com tecnologia open source, a nuvem pública é a infraestrutura ideal para o ambiente corporativo. Ela permite que as organizações tenham mais agilidade, flexibilidade e velocidade e sejam mais responsivas no ambiente de negócios atual. 

Esse modelo oferece o tipo de implantação mais simples e rápido. As empresas podem simplesmente selecionar o que precisam, simular os preços, ativar o serviço e começar logo a usá-lo. A infraestrutura, a capacidade de processamento, o armazenamento ou as aplicações baseadas em nuvem são virtualizados a partir do hardware do fornecedor e transmitidos ao cliente pela Internet ou usando uma conexão de rede dedicada.

A nuvem pública também possibilita a modernização da infraestrutura