Mineração de processos e a jornada de hiperautomação

A mineração de processos e tarefas é a chave para desvendar o valor da hiperautomação. Ela possibilita usar dados históricos para mergulhar profundamente nos negócios, criar mapas de processos e identificar onde a automação ajudará a criar o maior impacto para a sua empresa.

A mineração de processos pode ser usada para avaliar seus processos existentes e desenvolver mapas de processos para determinar onde existe alto valor. Também é possível criar um gêmeo digital para avaliar a eficácia do processo e determinar onde melhorias podem ser feitas.

Neste artigo, vamos explicar a importância da mineração de processos e quais são os seus benefícios para a hiperautomação.

O que é mineração de processos?

A mineração de processos aplica ciência de dados para descobrir, validar e melhorar fluxos de trabalho. Ao combinar mineração de dados e análise de processos, as organizações podem extrair dados de registro de seus sistemas de informação para entender o desempenho de seus processos, revelando gargalos e outras áreas de melhoria.

A mineração de processos alavanca uma abordagem orientada a dados para a otimização de processos, permitindo que os gerentes permaneçam objetivos em suas tomadas de decisão sobre a alocação de recursos para os processos existentes.

Em 2011, o Instituto de Engenheiros Elétricos e Eletrônicos (IEEE) publicou o Manifesto de Mineração de Processos, em um esforço para avançar na adoção da mineração de processos e redesenhar as operações de negócios. Por sua vez, o Gartner observa que os fatores de mercado também desempenharão um papel na aceleração da mineração de processos. Os esforços de transformação digital irão gerar mais investigação em torno dos processos, aumentando subsequentemente a taxa de adoção de novas tecnologias, como inteligência artificial, automação de tarefas e hiperautomação. O ritmo dessas mudanças organizacionais também exigirá que as empresas apliquem a resiliência operacional para que possam se adaptar.

Como funciona a mineração de processos?

Os sistemas de informação, como as ferramentas Enterprise Resource Planning (ERP) ou Customer Relationship Management (CRM), fornecem uma trilha de auditoria dos processos com seus respectivos dados de registro. A mineração de processos utiliza esses dados de sistemas de TI para criar um modelo de processo ou gráfico de processo. A partir daqui, o processo de ponta a ponta é examinado e os detalhes dele e quaisquer variações são descritos.

Algoritmos especializados também podem fornecer informações sobre as causas raízes dos desvios da norma. Esses algoritmos e visualizações permitem que o gerenciamento veja se os seus processos estão funcionando como pretendido. Mas, se não estiverem, eles os equipam com as informações para justificar e alocar os recursos necessários para otimizá-los. Eles também podem descobrir oportunidades para incorporar a automação de processos robóticos aos processos, agilizando quaisquer iniciativas de automação para uma empresa.

A mineração de processos concentra-se em diferentes perspectivas, como fluxo de controle, organizacional, caso e tempo. Embora grande parte do trabalho em torno da mineração de processo se concentre na sequência de atividades – ou seja, fluxo de controle –, as outras perspectivas também fornecem informações valiosas para as equipes de gerenciamento. As perspectivas organizacionais podem trazer à tona os vários recursos dentro de um processo, como funções de trabalho individuais ou departamentos, e a perspectiva do tempo pode demonstrar gargalos medindo o tempo de processamento de diferentes eventos em um processo.

Por que a mineração de processos é importante?

A mineração de processos ajuda as empresas a reduzir esses custos ao quantificar as ineficiências em seus modelos operacionais, permitindo que os líderes tomem decisões objetivas sobre a alocação de recursos. A descoberta desses gargalos pode não apenas reduzir custos e agilizar a melhoria do processo, mas também pode gerar mais inovação, qualidade e melhor retenção de clientes.

Com a mineração de processos, você pode fazer o seguinte:

  • Descubra processos ponta a ponta usando dados existentes para fornecer uma imagem clara de seu estado atual;
  • Determine quais atividades estão criando gargalos e, ao automatizar, produzirá as maiores melhorias no tempo de processo;
  • Simule iniciativas de automação propostas para calcular o ROI projetado;
  • Monitore e meça as mudanças propostas e atividades de automação com um ciclo de melhoria contínua.

A mineração e modelagem de process